“Embora eu esteja na fase “gim-tônica”, não posso negar meu amor e meu apego a este drinque clássico, forte e intenso na cor e no sabor. Um Bloody Mary bem feito pode transformar o humor de alguém! Pelo menos o meu….”
O texto é de Lúcia Mattos em seu recente post, com o passo a passo para fazer seu drink preferido facilmente em casa. Confira na integra clicando aqui.